27 de setembro de 2017

A vida c'um sócio escolheu



Da Buraca directamente para LISBOA, PORTO, AVEIRO, TOMAR, COIMBRA, GUIMARÃES, FUNCHAL, BRAGA, PORTALEGRE e arredores! É com grande entusiasmo - e cólicas de angústia - que anuncio o meu primeiro espectáculo a solo de STAND-UP COMEDY (e outras coisas).


 Comprar bilhetes


 Comprar bilhetes
Quando, há cerca de 3 anos e meio, criei esta página e comecei, uns meses mais tarde, a experimentar stand-up comedy, estava muito longe de imaginar que chegaria a este ponto em que subiria a palco sozinho para, durante mais de uma hora, tentar fazer-vos rir. Sempre fui o miúdo tímido que desviava os olhos da professora quando ela perguntava quem queria ir ao quadro. Sempre fui o miúdo introvertido que corava ao ler em voz alta para a turma e que tremia com a folha na mão quando tinha de fazer uma apresentação. Continuo a ser esse miúdo e, sinceramente, não sei porque é que faço isto. Por masoquismo não é que nem na cama gosto disso. Pelo dinheiro também não. Acho que é porque gosto de ver as pessoas a rir e o som do riso a ecoar numa sala (e o dinheiro também dá jeito, claro). Faço para me desafiar. É o meu bungee jumping, sabendo que também terá altos e baixos, mas que no fim, se tudo correr bem, sairei de lá vivo e a querer fazer outra vez. Em Agosto, mal cheguei de férias, fui fazer stand-up em Faro e no sábado, depois de actuar, dei por mim a dizer «Amanhã acabam as férias.». Nem me lembrei que já tinha trabalhado no dia anterior e foi aí que percebi que finalmente estou a fazer aquilo que gosto que é escrever humor e interpretar o que escrevo em vários formatos. Nem senti que fosse trabalho, embora o meu medo de falhar e o meu cagaço de estar em palco me levem a trabalhar muito e a preparar-me ao máximo para diminuir as hipóteses de passar vergonha. Por isso, uma das razões pelas quais tenho escrito menos na página é para ter tempo para me dedicar a isto ao máximo para que seja um espectáculo diferente, com vários momentos que podem falhar, mas que se funcionarem farão a diferença. O que é que isto vai ter:

- Vai ter stand-up. A parte do comedy depende se vocês se rirem ou não.
- Vai ter momentos de hip hop para mostrar que um branco da Buraca sem qualquer flow ou ouvido musical também pode ser rapper. Se o Tony pode ser músico, qualquer um pode.
- Vai ter um momento de Doutor G ao vivo que ainda não sei bem como vai ser. São parvos o suficiente para ir a palco ter uma consulta ao vivo?
- Vai ter um momento Coninhas Gonna Conate onde vou premiar os melhores haters.
- Outras cenas.

Num país que trata mal o stand-up comedy onde muitos donos de teatros não querem ter por acharem que não é digno dos seus espaços pseudo-intelectuais e eruditos, onde muitos donos de bares acham que pagar 20€ e uma imperial é suficiente porque só vais contar umas anedotas e que nem de microfone precisas porque o espaço tem bom som, resta ter esperança que vocês querem ver isto e que vão levar amigos. Sem a vossa ajuda será impossível isto correr bem. Espero que partilhem, identifiquem os vossos amigos e ajudem a espalhar a mensagem porque o Facebook pede-me para meter 1000€ para conseguir chegar às quase 300 mil pessoas que têm like na página e eu não tenho pais ricos. Numa altura em que as televisões pouco ou nada apostam no humor e num mundo online onde o conteúdo é gratuito, os espectáculos ao vivo são uma das únicas formas de se viver disto, especialmente quando se tem um tipo de humor que tenta arriscar e ao qual a maioria das marcas não tem coragem para se associar com medo de quem fica ofendido por tudo e por nada. Infelizmente, começo a perceber que ter opiniões é uma má gestão de carreira, mas sem elas não fazia sentido para mim. Por isso, isto é entre mim e vocês, sem intermediários nem chulos, e o vosso feedback é que interessa e me motiva a continuar. Não vos posso devolver o dinheiro caso vão e não gostem, mas prometo dar o meu máximo para fazer valer os 12€ dos bilhetes que estão à venda nos locais habituais e na Ticketline.


Obrigado a todos os que seguem o que vou escrevendo e me ajudaram a chegar até aqui.

PS2: Já sei que me vão perguntar «E Leiria?», «E Viseu?», «E Algarve?», e «Moimenta da Beira?», mas para já estas são as únicas datas previstas. Há outras cidades em vista, mas ainda estou à espera de disponibilidades por isso não prometo nada. Gostava de ir a todo o lado onde há gente que quer assistir, mas infelizmente é impossível, por isso se puderem vão a uma das outras cidades assistir. Já agora, deixem nos comentários a cidade onde gostariam que o espectáculo passasse que isso pode ajudar a desbloquear espaços e a definir prioridades na agenda.





Gostaste? Odiaste? Deixa o teu comentário: