21 de novembro de 2017

Homens e mulheres: tudo cambada de xoninhas



É dia de mais uma consulta "Doutor G explica como se faz". Não percamos mais tempo e vamos a isso.


Olá Doutor G, tenho 21 anos e nunca tive namorados, e não, não sou uma encalhada. Enfim, nunca quis ter algum namorado, (mesmo tendo pessoas interessadas em mim) vivo demasiado ocupada com os estudos, o trabalho, os meus amigos e a vida no geral. Contudo, conheci um rapaz e comecei a falar com ele todos os dias por mensagem, ja nos encontramos 4 vezes e, sim, ha clima. Falamos ja faz 4 meses e ainda nao houve um beijo, nem nada mais intimo da parte dele... Deixei de responder às mensagens durante 2 semanas e estava disposta a esquecer a situaçao, quando de repente ele contacta-me e tudo volta ao mesmo. Está indeciso ou nao tem nada para fazer entao fala comigo o dia todo?    
I.D, 21, Lisboa

Doutor G: Cara ID, isso de não seres encalhada porque estás demasiado ocupada é exactamente o que uma encalhada diria. Por vezes, penso que a sociedade evoluiu e que as mulheres estão mais proactivas, mas depois apareces tu a mostrar que ainda há demasiadas à espera que seja o homem a tomar iniciativa. Spoiler alert: os homens estão cada vez mais xoninhas. Se não são as mulheres a tomar as rédeas da coisa, a humanidade irá extinguir-se por falta de funaná pelado ao natural. Deixaste de responder porque ele não tomava a iniciativa, mas depois foi ele que te contactou? Afinal quem é que não tem iniciativa? És uma princesa que vive que no tempo do D. Sancho I? Queres, vais atrás, caso contrário ficarás encalha... com tempo para os estudos e amigos e vida no geral. Se ele te manda mensagens há 4 meses é porque está interessado. Se ele não tentou nada é porque é um xoninhas, tal como tu. Já que tens a mania que és princesa, que sejas a Jasmine e mete-lhe a mão no pífaro a ver se sai génio. Para uma dica mais subtil, abre a mala e deixa, casualmente, cair estas algemas para o chão. Podes comprar neste link com 10% de desconto com o cupão DRG10. Se nem assim ele perceber a dica, então parte para outro que esse tem bicho.


Olá doutor, namorava com um rapaz há quase 6 anos quando descobri que ele me tinha traído. Decidi acabar tudo e não tenho qualquer contacto com ele. Já passaram mais de três meses desde que acabamos mas mesmo assim ainda me sentia um pouco mal e tem sido um pouco complicado. Por isso pensei em criar conta no Tinder, só por curiosidade, para me distrair um pouco. Conheci lá um rapaz e começamos a falar muito, nunca me tinha rido tanto a falar com alguém, ele é super divertido! Criámos logo uma ligação incrível e isso ajudou um pouco a ultrapassar o outro relacionamento e a pensar menos no ex. Já nos encontramos algumas vezes e acabamos por nos beijar mas foi aí que percebi que afinal não estava pronta para estar com alguém uma vez que comecei a pensar no outro, que foi o primeiro namorado e então ainda não consegui livrar-me completamente dele. Este rapaz que conheci também acabou a sua relação há cerca de dois meses e diz que também não se quer comprometer com alguém agora, e decidimos ficar só amigos. Mas a partir daí, a ligação que tínhamos quebrou-se um pouco e isso custou-me porque comecei a gostar dele mas sem ter fechado o ciclo anterior... E pelos vistos ele sente-se da mesma forma. É por isso que não queremos nada de sério e dizemos que vamos ser amigos com alguns benefícios. Até me parece uma ideia agradável, mas não sei se eu consigo isso, pois tenho medo de me envolver demasiado e ele depois não querer nada... Mas ao mesmo tempo eu sei que não posso querer mais nada porque ainda não estou pronta. Quero e não quero. Sinto que é uma pessoa certa numa hora errada. É uma grande confusão na minha cabeça, ajude-me por favor!     
Anónima, 22, Coimbra

Doutor G: Cara Anónima, também já namoravas com ele desde os 16, já estava na hora de trocar e ver o admirável mundo lá fora. Sei que é chato, mas é provável que daqui a uns anos estejas melhor do que tendo ficado para sempre com o teu primeiro amor. Normalmente, dá merda, mais tarde, na idade em que já está tudo gasto e não dá para arranjar ninguém a não ser pessoal com traumas, também. Posto isto, deixo um fluxograma para te ajudar a decidir:
O que é que isto tudo quer dizer? Quer dizer que rejeitar coisas boas com medo do sofrimento, normalmente, não serve de nada porque a vida é mesmo assim. Vais rejeitar um bolo de chocolate depois de um caril de frango com medo da diarreia? Não. Comes e depois logo se vê. O que interessa é ser feliz agora, porque o amanhã é um sonho molhado. Chupa Chagas Freitas.


Caro Doutor G, se estivesse na sua mão o que aconselharia (escolher uma apenas): 
  1. Ter duas horas de conversa com a Maria Vieira sobre temas da actualidade
  2. Ter meia hora de paixão ardente com a Maria Vieira onde nenhum mistério carnal ficaria por desvendar
  3. Ser filho da Maria Vieira e, dado isto, ter que explicar aos seus amigos. 
Siogo, 22, Lisboa 

Doutor G: Caro Siogo (deves ter-te enganado na tecla, visto que o S está ao lado do D), mas, agora, serás para sempre o Siogo. O som "Siogo" parece a minha avó da Guarda a chamar um cão. Bem, apesar de eu ser da Buraca não sou o Bruno Nogueira nem isto é a Nêspera no Cu. Às vezes falam-se de coisas no cu, mas nunca de fruta com caroço. No entanto, só porque estou bem disposto, vou responder à tua dúvida, partindo do princípio que andas de olho numa gaja do PNR que espero que tenha mais do que a cabeça rapada:
  1. Esta é, claramente, a opção vencedora. Nunca tentaste discutir política com um Orangotango? Ficas a sentir-te bué inteligente depois de veres que os argumentos dele se resumem a atirar as próprias fezes à tua cara. Sim, sais de lá sujo e a pensar porque fizeste aquilo, mas, no fundo, o teu ego sobe porque sabes que tens um QI muito superior. No caso da Maria Vieira, talvez a comparação com o Orangotango seja errada, já que os segundos, por norma, são boa gente.
  2. Nojo. Acabei de bolçar a canja do Pingo Doce na própria boca. Se me dissessem «Se não fizeres sexo com a Maria Vieira o mundo vai acabar.» eu respondia «Ainda dá tempo de lhe dar uma chapada à padrasto na nuca e a mandar para o caralho ou é para morrermos já?»
  3. Metia um anúncio no OLX a dizer que estou para adopção.
Olá Dr. G, acontece que eu voltei para o meu ex-namorado há cerca de 3 meses, nós percebemos que ainda gostávamos muito um do outro (afinal foram 3 anos de relação), apesar de termos ficado 1 ano separados. Bem o problema é que eu traí ele e ele não sabe. Mas eu sinto culpa por ter posto os cornos nele e sei que se lhe contar só ia fazer ele sofrer, por isso pensei numa compensação para ele e estava a pensar propor sexo a três, com mais uma gaja. Não sei se isso me ajudaria, ou se outra coisa me faria perdoar-me. O que aconselha que eu faça?
Daniela, 23, Faro

Doutor G: Cara Daniela, sexo com outra gaja ao barulho não desculpa uma traição, mas de entre todas as coisas que se podem oferecer depois de se enfeitar a testa a alguém, talvez seja a mais bonita. Antes isso que um jogo de Playstation, mas isto sou eu que apesar de gostar de jogar, prefiro pipi. Ora bem, se voltaram e se queres mesmo ficar só com ele, não vale a pena contares. Agora, meto as minhas mãos no fogo que lhe vais meter os cornos outra vez, por isso o melhor é marcares já com duas gajas. Dito isto, posso ser o vosso micro-ondas e aquecer-vos durante hora e meia no meu espectáculo em Faro, dia 23 de Novembro, cujos bilhetes se compram neste link.


Doutor G, o meu namorado de 7 meses traiu-me (beijou outra gaja) e eu perdoei-o e voltou tudo a estar bem, passado duas semanas de isso ter acontecido ele acabou comigo a dizer que precisava de estar sozinho. Eu fiquei parva com a situação porque ele disse-me que ainda gostava de mim e vice-versa. Apesar de termos acabado ainda nos continuamos a ver e a falar e quando estamos juntos ele trata-me como se ainda fosse namorada dele, a dar-me beijos e mimos etc.. O que é que vai na cabeça deste gajo? Será que ele ficou a bater mal por eu o ter perdoado e ele acha que eu mereço melhor que ele? Também me parece que começou a apanhar uns tiques de “fuck boy” porque muitas vezes quando tento falar com ele por mensagens ele ignora-me.
Anónima, 19, Funchal

Doutor G: Cara Anónima, ahahahahahahahahahahaahahahahaahahaha. Espera, deixa-me só recuperar o fôlego... ahahahahahahahahahahaha. Ficou a bater mal por o teres perdoado a achar que tu mereces melhor? Raios te parta, criança inocente. Ele anda é a comer a outra gaja que beijou e acabou contigo para não ter compromisso e porque sabe que tu vais estar à espera dele, tanto que quando estão juntos é como se namorassem. As mensagens que ele te ignora é para tu te afastares dele e não te magoares. Estou a brincar, é porque está ocupado a comer a outra. Depois de ser tão bruto, só me resta oferecer-te um bilhete para o meu espectáculo no Funchal, dia 25 de Novembro. Não é bem oferecer, é mais tipo: compras neste link por 12€ e tens direito a um bilhete. Um mimo.


Acho que foi uma consulta bem gostosa, não concordam? Um agradecimento final ao patrocinador oficial do Doutor G, Vibrolandia, onde podem comprar artigos para apimentar a vossa vida sexual ou para envergonhar alguém durante a partilha de prendas de Natal. Obrigado a todos e, como sempre, até para a semana e continuem a enviar as vossas dúvidas para porfalarnoutracoisa@gmail.com. 


Partilhem e façam amor à bruta porque de guerras o mundo já está cheio.




PODES SEGUIR-ME NO INSTAGRAM

Gostaste? Odiaste? Deixa o teu comentário: